domingo, 13 de março de 2016

Virando o jogo

Bem, o que vou contar aqui é uma historia particular de superação, pois bem, eu tinha oito anos, entre a minha casa e a casa do vizinho havia um terreno baldio que posteriormente se transformou em um campinho de futebol muito do fuleiro, sem marcações, sem goleiras, apenas dois tijolos para demarcar o gol, esse vizinho costumeiramente jogava, até que um dia me desafiou e eu fui mesmo sem jogar nada, eu era tipo Fred na copa de 2014.

O primeiro dia foi patético, perdi de goleada e ainda fui humilhado...na segunda vez a mesma coisa, na terceira também, isso aconteceu mais ou menos mais umas 55 vezes, a derrota doía tanto que eu saia chorando do campo era ridículo, até que eu comecei a treinar, sozinho no mesmo campo exaustivamente treinava, chute, drible, possíveis situações, treinava para me vingar.

   Até que um dia, ah um dia...eu ganhei daquele maluco e o fiz chorar, eu não apenas ganhei, eu o humilhei por dez a zero, a sensação foi tão boa que eu ainda falei: -E ai seu merda, como é ser humilhado ? ele não falou nada e foi pra casa chorando. Hahahaha...demais.

   E isso se repetiu por muito e muito tempo, o cara nunca mais ganhou de mim até que chegou ao ponto de desistir, eu tinha me tornado muito melhor do que ele, fiquei tão bom que passei a ser chamado  para jogar no time da escola, resumindo MITEI.


   Você já deve ter ouvido centenas daqueles papinhos de auto ajuda e historias de superação, você deve ter alguma e essa foi a minha. Então não desista seja para sua satisfação ou simplesmente para humilhar alguém não desista!

2 comentários:

  1. Olá, muito show esta seu blog.
    Tanto que indiquei ele a responder uma tag, da uma olhada aqui e veja o que acha.

    http://blogdomvo.blogspot.com.br/2016/03/tag-liebster-award.html

    ResponderExcluir